4 dicas para um escritório mais silencioso

A concentração é fundamental para executar certas tarefas ao longo da rotina de trabalho.

Com isso, muitos profissionais buscam maneiras de poder trabalhar em meio ao silêncio, seja usando fones de ouvido ou se deslocando para salas de reunião.

O problema é que, principalmente em grandes empresas, isso nem sempre é possível.

Atualmente, a maior parte dos escritórios funciona em espaços abertos, nos quais todos trabalham no mesmo ambiente.

Deste modo, os sons de conversas, gavetas abrindo e fechando e cadeiras deslizando se propagam por todo o local.

Felizmente, há maneiras de proporcionar ambientes silenciosos em escritórios quando isso é necessário. Confira algumas dicas para isso a seguir:

Invista em isolamento acústico

Certos locais, como estúdios musicais, casas noturnas e de shows, são obrigadas pela legislação ambiental a contar com isolamento acustico.

O objetivo é evitar que o som se propague para fora do ambiente, o que causaria um grande incômodo aos vizinhos.

Entretanto, nada impede que outros estabelecimentos – inclusive escritórios – se aproveitem destas soluções para proporcionar um ambiente silencioso aos funcionários.

É algo especialmente interessante quando a sede da empresa está localizada em um endereço muito movimentado, o que torna os sons externos do trânsito um problema.

O isolamento térmico lã de rocha é uma boa opção para tal. Trata-se de uma manta, feita a partir de fibras minerais de rocha, que barra a entrada de ruídos externos em um ambiente. De quebra, ela ainda tem benefícios como:

  • É isolante térmico;
  • Não propaga fogo;
  • Excelente relação custo-benefício;
  • Resistente a vibrações;
  • Quimicamente neutra;
  • Fácil de manusear e de instalar.

Para instalar este item em seu escritório, procure uma empresa especializada em soluções acústicas. Conforme o caso, ela também poderá indicar outros itens que funcionarão bem em sua empresa.

Crie pequenos ambientes dentro do escritório

Outra maneira de proporcionar silêncio é fazer com que o escritório não seja um ambiente totalmente aberto.

Ou seja: criar pequenas salas isoladas dentro desse ambiente, de modo que quem precisa de mais concentração possa usá-las.

Caso o escritório seja alugado e o proprietário não permita este tipo de intervenção, é possível usar a parede drywall.

Feita de gesso, ela é facilmente removível e não causa danos à estrutura do ambiente. De quebra, é possível colocar uma manta mineral em seu interior, de modo a reforçar o bloqueio contra ruídos.

Vale ressaltar que é importante que a vedação no local seja total. Isso significa que é preciso instalar uma porta para parede drywall, que possa ser fechada para proporcionar o máximo conforto acústico possível dentro do ambiente.

Invista no arquivo deslizante

Por mais que praticamente todas as empresas usem soluções informatizadas em seu cotidiano de trabalho, certos documentos têm que ser mantidos em versões físicas, para consulta posterior.

Isso faz com que os arquivos ainda sejam um item fundamental em empresas.

O problema é que as versões tradicionais, feitas de metal, podem ser bastante barulhentas. Afinal, há um pequeno choque de peças metálicas quando as gavetas são abertas e fechadas, criando ruído.

A solução é investir no arquivo deslizante. Trata-se de armários, feitos sob medida, que deslizam sobre trilhos instalados no chão. Além de mais silencioso, este móvel é mais bonito e proporciona um melhor aproveitamento do espaço.

Use a decoração a seu favor

Além de todas essas soluções, é possível usar a disposição de móveis e elementos decorativos para deixar certas zonas do escritório mais silenciosas.

O motivo disso é simples: as ondas de som se propagam livremente no ar, até que percam força e/ou encontrem algum obstáculo que as impeça de seguir.

Estes obstáculos podem ser tanto uma parede quanto uma peça de mobília.

Portanto, vale a pena investir em soluções de decoração que recubram a parede, como grandes estantes, que sejam colocadas junto às paredes de locais como salas de reunião.

Deste modo, o som gerado dentro dela encontrará mais um obstáculo para sair de lá,

Além disso, vale a pena ter atenção redobrada ao escolher os móveis.

Por exemplo: há escrivaninhas cujas gavetas abrem e fecham fazendo menos ruído, assim como é possível encontrar um modelo de cadeira de escritorio que faça menos barulho ao se movimentar.

Esses detalhes fazem a diferença na hora de proporcionar um ambiente de trabalho mais silencioso para a equipe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *