A empilhadeira e sua ajuda em construções

Hoje em dia o ramo da construção – principalmente a civil – conta com uma diversidade gigantesca de equipamentos, insumos e materiais. São tantos e de tantos tipos que a sua locomoção dentro do canteiro de obras virou uma dificuldade, algo que o mercado respondeu de forma adequada criando as empilhadeiras.

Esse equipamento vem sendo de extrema importância dentro desse ramo (e em outros, como em estoques). Por este motivo, existem vários modelos desse produto e escolher o que melhor irá se adequar a obra, ao local e aos materiais é uma tarefa árdua.

Exatamente para facilitar essa escolha e o entendimento sobre esse produto que esse artigo foi criado, até o final será esclarecido a importância das empilhadeiras para as construções.

Conhecendo as aplicações de empilhadeiras

A empilhadeira é um equipamento muito utilizado em obras de todos os tipos, mas para cada aplicação existe um modelo mais recomendado. Seja pelo local, mobilidade ou tipo de material a transportar é interessante conhecer os modelos e suas melhores aplicações para adaptar as suas necessidades.

Empilhadeiras elétrica

Como o próprio nome sugere, é um tipo movido a energia elétrica. Esse tipo de produto entrega muitas vantagens, como:

  • Versatilidade na utilização;

  • Recarga fácil de bateria;

  • Redução de ruídos;

  • Opção com torre de elevação.

Existem ainda alguns outros modelos desse equipamento que possuem características específicas. Esse modelo é recomendado para locais fechados por conta de não emitir nenhum tipo de gás, afinal é movido por energia elétrica.

Empilhadeiras a gás

É um tipo desse equipamento movido a GLP (Gás Liquefeito de Petróleo).

O método de combustão é extremamente econômico e apresentar uma capacidade de carga adequada para produtos pesados, sendo recomendada para a movimentação de viga, treliça de ferro, barras e outros materiais que apresentem um peso elevado.

Além disso, é um modelo que consegue se adaptar corretamente a qualquer tipo de terreno. No entanto, é mais recomendado para uso externo.

Empilhadeiras manuais

A principal vantagem desse equipamento é o preço, e mesmo sendo mais barato que a maioria das empilhadeiras é um produto que entrega ótima relação custo-benefício.

O seu manuseio é manual, mas não é por isso que ela deixa de ser eficiente, ele facilita de todas as formas a vida do condutor, sendo relativamente fácil manuseá-la.

Para realizar a locomoção da peça inteira é necessário empurrar o equipamento, que conta com rodinhas flexíveis para facilitar esse trabalho. Para subir a carga posicionada, o condutor puxa uma espécie de alavanca e o procedimento é realizado da mesma forma para descer a carga.

É preciso entender a necessidade e demanda da obra para a escolha do equipamento adequado, a recomendação é sempre optar pelo aluguel de empilhadeira, afinal o procedimento de locação permite a escolha do tipo de equipamento que melhor se adequa a obra, trazendo maior versatilidade.

Principal material de transporte por empilhadeiras

As empilhadeiras são usadas para o transporte de muitos itens, vamos dar foco nos 2 materiais mais usados:

Vigas

As vigas geralmente são composta de ferro, um material pesado e que demanda o uso de equipamentos específicos para o seu transporte.

As vigas de ferro para construção precisam ser posicionadas de forma correta pois sua aplicação habitualmente ocorre em partes basilares da obra, isso faz com que os cuidados com o seu transporte seja redobrado, o uso de empilhadeiras para fazer esse trabalho garante a segurança do produto e, consequentemente, de toda a obra.

Existem vários tipos de vigas no mercado, como viga i, viga h e viga w, cada uma com sua aplicação específica e que exige um tipo de transporte adequado.

Treliças

As treliças, junto com as vigas, compõem as bases estruturais de várias obras. Geralmente são fabricadas em ferro (um material extremamente pesado), isso se dá por conta da treliça de ferro para construção preço ser acessível e de fácil localização no mercado.

O seu transporte deve ser feito por empilhadeiras específicas e que aguentem o peso estrutural do material.

Como vimos, as empilhadeiras são equipamentos essenciais no ramo de obras, entregando versatilidade e deixando a obra muito mais dinâmica.

Hoje em dia o uso desse equipamento é muito disseminado e se tornou peça fundamental para empresas de construção. Geralmente, as empresas optam pela locação desses equipamentos.

Vale ressaltar que para o manuseio de peças e empilhadeiras é sempre recomendado o uso de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), garantindo assim a segurança de todo o ambiente de obra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *