Conheça diferentes equipamentos para alugar

Comprar um imóvel é um investimento de alto custo. Consequentemente, ele consome boa parte da renda do comprador durante muitos anos. Isso, por sua vez, faz com que uma aquisição do tipo costume ser muito bem pensada e planejada.

Outra consequência disso é que, em tempos de incerteza econômica, a procura pela compra da casa própria cai: as pessoas preferem alugar.

Isso, por sua vez, desacelera o setor econômico que está por trás disso, ou seja, a construção civil. De fato, desde 2014, os saldos de geração de empregos, investimento e lucro das empresas do setor têm sido negativos.

Desta maneira, os negócios que atuam no ramo têm buscado maneiras de cortar custos, mas sem prejudicar a qualidade das entregas que fazem aos clientes.

O caminho adotado por muitas delas tem sido investir no aluguel de maquinas e equipamentos necessários ao bom andamento dos trabalhos nos canteiros de obras, ao invés de adquiri-los.

Confira, a seguir, alguns produtos que podem ser alugados, bem como sua função e importância:

  1. Andaime

Boa parte das estruturas criadas em canteiros de obras não pertencem ao projeto propriamente dito. Afinal, é preciso contar com locais que atendam aos trabalhadores, tais como:

  • Vestiários;

  • Refeitórios;

  • Áreas para armazenamento de materiais e equipamentos;

  • Estrutura de andaimecaso haja mais de um pavimento.

No caso deste último item, ele é fundamental em obras de grande porte, como condomínios verticais. Normalmente feitos de aço, eles permitem que os trabalhadores cheguem às zonas mais altas com a segurança e a estabilidade de que precisam.

Entretanto, a quantidade de peças necessárias para montar a estrutura varia muito, conforme o porte da obra, afinal um sobrado triplex é muito mais baixo do que um edifício de vinte andares.

Por conta disso, investir no aluguel é uma boa opção para economizar: desta maneira, paga-se apenas por uma estrutura de porte adequado ao projeto, e pelo período necessário ao processo de conclusão.

  1. Plataforma elevatória

Porém, garantir o acesso dos trabalhadores às partes mais altas da obra não é o suficiente, pois também é preciso que todos os materiais e equipamentos necessários ao andamento das obras cheguem com segurança até eles.

Felizmente, existe um equipamento para garantir isso: a plataforma elevatória. Como o próprio nome diz, trata-se de uma plataforma que conta com uma estrutura capaz de fazê-la atingir uma altura elevada e personalizada, conforme a configuração feita pelo operador.

Entretanto, ele não está disponível em um único modelo, pois cada um possui as suas particularidades. A plataforma articulada, por exemplo, pode atingir alturas mais altas e com mais exatidão.

Já a pantográfica se move apenas na vertical, e não atinge alturas tão altas. Portanto, é preciso analisar as características da edificação para decidir qual é o melhor tipo.

Por conta disso, o aluguel de plataforma elevatória é muito mais vantajoso do que a compra: é possível escolher uma máquina que atenda às necessidades de cada projeto, com um investimento muito mais baixo do que a compra. Além disso, as empresas que fornecem esse serviço costumam atualizar seu portfólio com frequência, oferecendo sempre o que há de mais novo em tecnologia.

  1. Empilhadeira

Especialistas afirmam que mão de obra qualificada e equipamentos de última geração não são o suficiente para assegurar a produtividade dos trabalhos de uma obra: a organização do espaço também é fundamental.

Afinal, quando materiais e máquinas estão espalhados por ele, sem critério algum, os funcionários têm que desperdiçar seu tempo procurando-os.

A boa notícia é que há diversas soluções para manter o canteiro de obras sempre em ordem, como procurar uma empilhadeira elétrica para alugar.

Eficiente, este equipamento pode transporte materiais de construção e até mesmo máquinas de pequeno porte para os seus devidos lugares, contribuindo com a organização.

  1. Compressor

Atualmente, existem diversas ferramentas pneumáticas no mercado. Ao contrário das hidráulicas, que funcionam com a força de fluidos, sua força é proveniente do ar comprimido em seu interior.

É uma maneira de tornar certas tarefas, como o polimento de superfícies, mais rápidas. Em muitos casos, é preciso contar com um compressor, que como o próprio nome diz, tem a função de comprimir o ar.

No contexto da construção civil, os modelos mais procurados são os parafuso, movidos tanto à eletricidade quanto a diesel. Também há a possibilidade de contar com um modelo portátil, que pode ser usado até mesmo em locais pequenos e/ou de difícil acesso.

Entretanto, o preço de compressor pode impossibilitar sua aquisição. Nesses casos, pode-se optar pelo aluguel do modelo pretendido, que não compromete o orçamento da obra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *