Construção: o processo de demolição e segurança

A construção civil está presente em diversos pontos da sociedade, desde o imóvel em que se mora, no prédio em que se trabalha e no viaduto que se circula todos os dias.

No entanto, esses procedimentos são complexos e exigem uma mão de obra especializada.

Diante de várias temáticas que são complexas dentro do ramo da construção, nesse artigo, falaremos sobre os procedimentos de demolição e segurança (como a renovação do AVCB) para o um empreendimento.

Conhecendo os tipos de demolição

Basicamente, o processo de demolição ocorre em um local quando determinado imóvel não apresenta boas condições de infraestrutura para o reparo ou quando se deseja construir uma nova edificação, utilizando apenas o terreno.

Com isso, a depender do imóvel, existem os tipos de demolição que podem ser realizados. O primeiro passo para quem deseja realizar uma demolição é estar em contato com o engenheiro civil que será responsável pela obra, assim como obter o contato de empresas de demolição em SP.

Essas empresas contam com mão de obra especializada, assim como com os equipamentos necessários para que a demolição ocorra.

Para casos mais simples, essa demolição pode ser manual, para derrubada de paredes, onde não há mais teto. Existe também a demolição que ocorre por meio do auxílio de máquinas, como as escavadeiras.

A demolição para obras de grande porte é muito mais complexa e ocorre por meio da implosão da obra. Por meio da aplicação de explosivos e alguns agentes químicos, o imóvel vem ao chão.

No entanto, nesse caso, é importante verificar os impactos na estrutura, terreno, assim como ao redor do local. Todo o procedimento precisa ser feito com muito cuidado, sendo até mesmo necessário o isolamento do perímetro.

Tudo isso, para evitar que as pessoas se machuquem, também é necessário conseguir uma liberação com os órgãos públicos, comunicando sobre o procedimento a ser realizado.

Após o próprio procedimento de demolição, é importante também se atentar para a remoção do entulho que é gerado por conta da implosão.

Segurança da construção e do imóvel

Após a demolição, o imóvel pode finalmente ser construído a partir de um projeto já estabelecido e alinhado com a equipe de engenharia civil responsável.

Um dos pontos importantes no processo construtivo é estar atento à segurança dos processos, funcionários e materiais, evitando danos e acidentes.

Algumas documentações são necessárias no processo, como a renovação de AVCB. Para AVCB, também podemos traduzir como o auto de vistoria do Corpo de Bombeiros.

Esse Auto de vistoria do Corpo de Bombeiros consiste em um documento que é obtido após visita técnica ao local para averiguar se o mesmo conta com as condições de contenção inicial de um incêndio.

Sendo assim, se conta com equipamentos como extintores, saídas de emergência, hidrantes, dentre outros. Ainda, esse é um documento que tem um período de validade e por isso torna-se necessário realizar a renovação AVCB.

A obra ou empreendimento que não tiver esse documento ou que tiver com ele fora do seu prazo de validade pode ser embargada ou desocupada.

De modo geral, esse documento é necessário em:

  • Prédios;
  • Shoppings;
  • Estádios de futebol;
  • Em construções de grande porte;
  • Em ambientes comerciais de grande porte;
  • No ambiente industrial.

Diante desses elementos é fundamental estar atento à renovação alvara bombeiros, visando garantir a segurança de todos que estão no local. Esse é um documento de prevenção ao incêndio e é necessário adotar medidas de segurança caso ele ocorra.

Em toda obra também serão necessárias outras medidas de segurança, como é o caso do uso de equipamentos de proteção individual.

Os equipamentos em sua obra

Muitos equipamentos são necessários durante uma obra e alguns deles ajudam a garantir a segurança, otimizando também o tempo de construção. Muitos elementos são metálicos, como é o caso da corrente transportadora de arraste.

Em uma obra, muitos elementos precisam ser deslocados, como é o caso do cimento, blocos pré-moldados, pisos, telhas, madeira, dentre outros. Por isso, contar com elementos de transporte pode auxiliar no processo da construção.

Além do transportador de arraste, existem outros equipamentos que podem servir como transportadores, como é o caso das empilhadeiras e de forma fixa, com o auxílio de andaimes.

Para utilizar os equipamentos da melhor forma é importante contar com a mão de obra especializada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *