Decoração: ambientes internos e externos

Um dos elementos que vem chamando a atenção nos projetos arquitetônicos e em reformas é o uso da decoração e da composição de áreas externas. Esses dois tópicos são essenciais para que o ambiente se converse e se torne único e aconchegante.

As decorações que incluem muitos componentes como torre de iluminação LED, tapetes, e pisos antiderrapantes, em muitos casos são vistas como difícil de serem realizadas e também muito cara. Porém, decorar de forma bonita e elegante, e também, bastante agradável é fácil e precisa apenas de criatividade e paciência.

Neste artigo abordaremos alguns detalhes que são importantes para a decoração de ambientes internos e cuidados com o ambiente externo, como o uso de revestimentos como piso laminado para área externa, jardins e elementos afins.

Dicas de decoração para o ambiente interno e externo

Tanto os ambientes internos como os externos possuem características comuns como incomuns.

Neste tópico falaremos de pontos que podem ser usados para os dois ambientes, de modo, que todos os elementos podem apenas se integrar nessas dicas, seja o ambiente externo com piscina de fibra, ou então o ambiente interno com seus sofás e televisores.

1. Use uma cor principal na decoração

Um dos primeiros pontos para começar a decorar é o uso de uma paleta de cores.

E para começar a desenvolver essa paleta é preciso escolher uma cor principal.

Essa cor ajudará você na definição dos seguintes pontos:

  • Móveis;
  • Elementos decorativos;
  • Cadeiras;
  • Revestimentos.

2. Defina a funcionalidade do ambiente

As áreas internas como as externas para serem decoradas precisam ter a sua funcionalidade definida. Nas áreas externas é preciso saber que elementos poderão ser colocados como deck de madeira, piscinas ou então brinquedos para as crianças.

Nas áreas internas é preciso saber que elementos poderão ser colocados como mesas, cadeiras, televisores e quadros.

As funcionalidades podem ser variadas como:

  • Área de descanso;
  • Jardim;
  • Sala de jantar;
  • Sala de estar;
  • Quarto;
  • Varanda gourmet.

Definir a funcionalidade do ambiente é fundamental para o andamento das decorações.

3. Use revestimentos de porcelanato

Um dos materiais que vem sendo largamente empregado em ambientes internos ou externos é o uso de revestimentos de porcelanato.

Existem variados tipos de porcelanato, e os mais usados, são os que imitam a madeira, e eles possuem diversos tons como o tom natural, tons de marfim e também cores mais escuras.

Desse modo, os ambientes ficam mais completos e mais elegantes, por conta da imitação da madeira.

4. Padronizar o estilo dos móveis

Um elemento importante para que a área externa ou interna seja bastante harmonioso é importante seguir os estilos de decoração.

Assim, se as mesinhas para area externa forem redondas, os outros móveis precisam seguir essas mesmas linhas, garantindo fluidez ao ambiente.

Se forem quadrados, as linhas também deveriam ser seguidos.

3 itens de decoração para a casa

Além das dicas acima, é importante falarmos sobre alguns itens de decoração que podem ser usados nas casas, principalmente, nos ambientes internos.

1. Cortinas

As cortinas são elementos muito aconchegantes, e são usados para controle da luminosidade no ambiente, além de vestir o espaço.

Existem variados modelos e também são feitos em materiais diversos.

2. Tapetes

Os tapetes são variados, e são peças decorativas bonitas para cobrir o ambiente.

Alguns materiais são: fibras sintéticas, fibras de lã, algodão, couro e também dão beleza e sofisticação ao espaço.

Também é preciso tomar atenção com a tonalidade, as listras, e as estampas.

3. Almofadas

As almofadas permitem que as pessoas se acomodem de forma mais confortável nos sofás ou então as cadeiras, além de enfeitarem o ambiente.

Existem muitos modelos, e podem dar pontos de cores na sala ou em qualquer ambiente.

Manutenção de móveis externos

Os móveis das áreas externas podem ser feitos com diversos materiais, sendo os principais, madeira, alumínio e plástico. E para que a durabilidade desses móveis seja estendida, é preciso alguns cuidados.

Nos móveis de madeira é importante passar panos umedecidos e a cada seis meses, fazer uma manutenção específica para madeira, lavando os móveis, e passando impermeabilizante para proteção das intempéries.

Nos móveis de alumínio o cuidado é menos intenso por conta da durabilidade do material. É necessário apenas a aplicação de silicone líquido com flanela para limpar e dar brilho.

Já com os móveis de plástico é importante o uso de capas, evitando manchas e arranhões. Também é possível lavar com água e sabão neutro.

Vimos então que para decorar ambientes externos ou internos e tomar cuidado com os móveis das áreas externas é necessário atenção aos detalhes, como filtro para piscina de vinil para que a qualidade da água seja garantida nas piscinas da área externa, e paciência e criatividade harmonizando todos os aspectos para uma ambiente interno bonito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *