Energia solar: benefícios aos projetos residenciais

Uma das principais exigências das pessoas nos dias atuais é a adoção de um sistema de desenvolvimento mais sustentável, ou seja, a demanda é que todos os setores da sociedade tenham mais consciência quanto a conservação e uso dos recursos naturais.

Para que assim, haja um equilíbrio entre as produções e progresso e a qualidade do meio ambiente, para que a geração atual e futura possam usufruir de todos os recursos e benefícios advindos do meio ambiente.

Com isso as empresas tiveram que transformar alguns processos, excluir outros e criar novos modelos de produzir que atendam tanto a demanda social do crescimento e progresso quanto a sustentabilidade que resulta em uma diminuição de ações impactante ao ambiente.

No setor de construção civil a sustentabilidade está presente em diferentes processos e etapas.

Atualmente, há os projetos de casas ecológicas que são baseadas em sistemas mais sustentáveis, atuando em cooperação ao meio ambiente usando de seus recursos com sabedoria e respeito.

Um dos modelos são as casas a base de energia solar, ou seja, que captam a energia emitida pelos raios e as transforma em energia elétrica.

Como funciona a energia solar?

A energia fotovoltaica, outro nome dado a energia solar, é uma energia denominada energia limpa, assim como a eólica.

Proveniente dos raios solares, uma fonte inesgotável elas são captadas e transformadas em energia elétrica e distribuídas pelos locais que demanda seu uso.

Para que isso aconteça, há 5 etapas que precisam ser realizadas, sendo elas:

  1. Instalação das placas;
  2. Captação dos raios;
  3. Inversão da energia;
  4. Envio ao quadro de distribuição;
  5. Utilização.

A instalação das placas solar é um processo simples realizado pelos profissionais que atuam nas empresas que disponibilizam o produto. A quantidade de placas dependerá do modelo escolhido e da área que precisa ser coberta.

Após instaladas em locais nos quais a incidência de raios é maior, ou seja, nos telhados ou nos jardins, ocorre a segunda etapa que consiste na captação da energia solar por meio delas.

Desse modo elas são coletadas e enviadas pelo sistema interno instalados às placas ao inverso de energia que tem como função converter a energia solar em energia elétrica.

Após esse processo, há a quarta etapa que é o envio da energia até o quadro de distribuição que capta e transfere para os locais que precisam desse recurso para funcionar finalizando o processo.

Quais são as vantagens da energia solar?

Além da sustentabilidade, a energia solar residencial por usar uma fonte de energia que não impacta o meio ambiente, pois não é preciso construir usinas e usar um recurso limitado e vital a vida, como a água, a energia proveniente do sol também:

  • Valoriza o imóvel;
  • Economiza;
  • Inova;
  • Contribui para o progresso.

Os imóveis mais sustentáveis são mais valorizados financeiramente, após a instalação das placas a energia solar produzida e não consumida é enviada a rede elétrica e isso resulta em créditos e descontos na conta de luz.

É um projeto inovador e humano, pois são projetos pouco desenvolvidos, contribuindo para o progresso e avanços neste segmento do setor.

O que é necessário para a instalação?

Ao contratar as empresas que desenvolvem os projetos de energia limpa, elas conseguiram fornecer todo o equipamento necessário, dentre eles o painel solar fotovoltaico 350w, lembrando que a quantidade necessária será definida pelo profissional que atua na empresa e é especializado no assunto.

Além da placa, que é um item fundamental ao sistema elétrico de energia solar há as tubulações, o inverso e os equipamentos e aparelhos auxiliares que tornam a instalação mais eficiente e segurança.

Um dos itens essenciais também é o suporte para fixação de painel solar seja ela realizada no telhado ou no jardim eles precisa estar estabilizado e firme na estrutura doméstica, evitando falhas e acidentes.

Por ser um processo recente mas simples, as casas já construídas podem se adaptar e inserir o sistema de energia solar à casa, tornando a mais sustentável e consciente.

Os projetos que consideram as instalações nos telhas precisam se certificar que eles são resistentes e se a impermeabilização de telhados está realizada para que a estrutura esteja protegida e adequada às necessidades do novo sistema de energia elétrica.

Com um pequeno investimento e um alto retorno tanto financeiro quanto social as casas de energia solar são modelos que vieram para transformar e criar novos padrões sociais e ambientais, por isso investir nesse modelo agora é um avanço e progresso ao desenvolvimento da sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *