Estilos de decoração: modernidade e beleza

Quando nos remetemos a ideia de modernidade estamos sempre nos referindo ao uso de novos materiais, novas formas e novos estilos, afinal, o que é moderno é disruptivo, que gera novas tendências para decoração e design de interiores como um todo.

No entanto, antes de chegar no moderno é necessário conhecer e entender alguns aspectos anteriores, pois, sempre o que vem construir uma nova forma de pensar está baseado em uma reflexão sobre o que foi anterior.

Dessa forma, na decoração isto também se repete. Hoje, os ambientes residenciais estão ficando cada vez menores, e alguns estilos de decoração vem sendo buscados por trazer simplicidade e beleza, com o uso de materiais simples como o corrimão de ferro para escada interna, e cores que contrastam com elementos decorativos.

A decoração se incorporou ao quesito da funcionalidade, o que possibilitou o desenvolvimento de novas táticas e metodologias de pensar o espaço e todo o seu desenvolvimento.

Portanto, o moderno foi se transformando no contemporâneo, da economia do espaço, do aproveitamento de tudo, de uma iluminação mais bem prepara e articulada e que leva em consideração a beleza da luminária pendente e das arandelas nos muros.

Neste artigo abordaremos alguns componentes essenciais para uma decoração moderna e contemporânea focada nos espaços pequenos como apartamentos, e alguns estilos de decoração que podem ser reciclados em suas estruturas.

Dicas para decoração de ambientes pequenos

A decoração é algo muito especial para qualquer residência, principalmente, porque um espaço decorado, passa a sensação de ser um ambiente:

  • Limpo;
  • Organizado;
  • Tranquilo;
  • Feito para o descanso.

Além do mais a decoração está presente em vários lugares da casa, da definição de uma fachada com vidro, ao uso de cores e materiais que são usados. Porém, um ponto que não podemos deixar de lado é que as decorações permitem um ambiente personalizado.

Nos tempos atuais a decoração avançou muito e vem enfrentando novos desafios principalmente o de decorar ambientes pequenos como apartamentos e kitnets. Dessa maneira, os decoradores criaram uma senha para esses espaços que é unir utilidade e beleza.

Para isso, alguns pontos são levados em consideração para estes espaços pequenos que podem ser até mesmo pequenos sobrados de dois pisos com escada de aço corten.

Abaixo trataremos sobre alguns desses aspectos como:

1. Cores

Nos ambientes menores os decoradores costumam usar cores claras para que a sensação de amplitude seja potencializada. Porém, isto não quer dizer que você não possa usar cores, mas sim, que as cores claras devem ser as que vão pautar todo o ambiente, já que dão sensação de leveza, e retirando a impressão de ambiente apertado para algo mais confortável.

O uso desse tipo de cores varia tanto nas paredes, no teto e inclusive na cortina wave quarto possibilitando maior entrada de luz natural e consequentemente mais sensação de abertura.

2. Móveis funcionais

Os móveis funcionais são outra pedida para decoração moderna e para ambientes pequenos. Alguns exemplos em apartamentos estúdios são escadas com gavetas, mesas de centro, e até mesmo camas na parede.

Aqui, a modernidade e a inovação podem vir a tona. O uso de prateleiras e nichos podem ser considerados também exemplos de móveis funcionais.

3. Espelhos

Um elementos que pode ser usado com muito sucesso em espaços menores é o espelho. Dão a sensação de amplitude e em união com móveis funcionais e planejados causam impressão de amplitude tornado o ambiente mais bonito.

Nos tópicos abaixo veremos dois estilos de decoração que se apoiam nessas dicas de decoração.

Estilos de decoração: o minimalista e o contemporâneo

Alguns estilos de decoração utilizam as dicas que tratamos acima e são muito importantes para quem busca referências neste sentido. O primeiro deles é o estilo minimalista que tem como objetivo integram funcionalidade e estética.

Assim, poucos itens de decoração são usados, cores neutras e contrastantes são empregadas, e móveis funcionais e de extrema qualidade são usados por conta da sua funcionalidade. As cores mais usadas deste estilo são cinza, branco e preto, variando os tons.

O segundo estilo é contemporâneo que busca unir simplicidade, objetividade e funcionalidade. O contemporâneo diverge do minimalista pois utiliza elementos diversos, enquanto o minimalista usa menos elementos.

As mobílias contemporâneas são mais baixas, limpas e lisas e uso de materiais como o vidro, o cimento, o metal e pedras polidas.

Deste modo, as decorações variam de pessoa para pessoa, e de ideia para ideia, porém, o uso em espaços pequenos devem levar em consideração o que falamos aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *