Conheça tudo sobre forros para a sua casa ou comércio

Em um obra, a fase de acabamento costuma ser a mais demorada. Por mais que a etapa estrutural também seja importante, é no acabamento que são instalados itens fundamentais para o conforto ambiental do imóvel.

Um dos itens que são instalados durante esta fase é o forro. Apesar de ser simples, ele é de extrema importância para os usuários da edificação. Aprenda tudo sobre este item a seguir, bem como algumas dicas para escolher o melhor:

Qual a importância do forro?

Como o próprio nome diz, o forro é o material cuja função é revestir área do teto da construção. Mas, não é só isso: dependendo do material e da cor escolhidos, ele pode influenciar em aspectos como:

  • A luminosidade;

  • O conforto térmico;

  • O conforto acústico;

  • A segurança contra incêndios.

Portanto, pode-se dizer que a escolha de um material de qualidade é fundamental não apenas para a decoração do ambiente, como, também, para a segurança.

Como escolher um forro de qualidade?

Marcas como a Hunter Douglas são amplamente conhecidas no mercado do forro, devido à qualidade de seus produtos.

Assim, o primeiro passo para contar com um produto de primeiro nível é adquiri-lo de um fornecedor de confiança. Ele pode ser encontrado tanto por meio de pesquisas quanto por indicações.

Da mesma maneira, é fundamental levar em conta as necessidades do espaço a receber o produto.

Afinal, cada material tem propriedades diferentes, interferindo tanto no conforto ambiental quanto na segurança do espaço. Confira os principais tipos a seguir:

Forro mineral

Tanto o forro mineral Hunter Douglas quanto os de outras marcas são compostos por uma combinação de fibras de diversos materiais, como o vidro, e de outras substâncias, como a areia.

O resultado é um produto poroso, como excelente desempenho térmico e acústico.

Além disso, ele é facilmente removível, o que facilita manutenções e substituições.

Por conta de suas propriedades, esse produto também é conhecido como forro acústico Hunter Douglas.

Seu potencial para isolar ruídos faz com que ele seja muito usado em locais como escritórios, repartições públicas e, até mesmo, cinemas.

Vale ressaltar que em locais especialmente barulhentos, como casas noturnas e de shows, sua instalação é fundamental para seguir as normas de direito ambiental a respeito de ruídos.

A desvantagem fica por conta da aspereza de sua superfície, que tende a dificultar sua higienização. Todavia, sua ação fungicida dificulta a proliferação de pragas e microrganismos.

Forro de gesso

O gesso é um dos materiais mais usados na construção civil na atualidade. Seu apelo estético, assim como sua versatilidade, são o que justifica sua ampla aplicação.

Uma das maneiras de utilizá-lo é usar placa de gesso para forrar o teto. Como o nome indica, os blocos são pré-prontos, e só é preciso posicioná-los no local certo.

Ele oferece todos os benefícios da versão tradicional do material, como a possibilidade de embutir iluminação, a capacidade de aproveitar a luz do sol e a durabilidade, bem como o bom desempenho térmico e acústico.

A outra boa notícia é que o preço de forro de gesso costuma compensar.

Da mesma forma, o advento da instalação em placas faz com que o procedimento seja mais rápido e não gere tanta sujeira, o que também tende a reduzir o custo.

Entretanto, este material deve ser evitado em locais com problemas de umidade e infiltração.

O motivo por trás disso é a baixa resistência oferecida por ele a estes elementos.

Além disso, ele também pode acabar servindo como incubadora para a proliferação de insetos.

Forro de PVC

Apesar de ser um polímero plástico, o PVC tem ganhado cada vez mais espaço no universo da reforma, construção e decoração de interiores.

Seu baixo custo, bem como sua versatilidade, têm feito com que ele seja usado para confeccionar móveis, pisos e muito mais.

Consequentemente, o forro de pvc também tem conquistado o seu espaço frente a materiais mais tradicionais.

Ao contrário do que muitos pensam, seu aspecto plástico não fica óbvio: há designs mais elaborados que imitam materiais mais nobres, tais como a madeira.

Todavia, estas não são suas únicas vantagens. Ele também é durável, tem excelente desempenho térmico e acústico, não é danificado pela umidade, é resistente ao fogo e não é suscetível à proliferação de pragas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *