Melhorias em uma estrutura de sucesso

Para garantir um melhor desempenho nos negócios é necessário sempre investir em manutenções acerca da estrutura do ambiente. Só dessa forma é que será possível manter a seriedade e a competência dos serviços oferecidos.

A estrutura de qualquer construção precisa ser planejada com antecedência para que todos os detalhes e particularidades sejam definidos.

É o caso de verificar quais os tipos de telhas serão necessários, a quantidade, que tipo de bloco, revestimentos e assim por diante.

Fato é: existem diversos tipos de telhas, desde as pré-pintadas, sanduíche, calandradas, perfuradas, de forro, metálicas até as multidobras.

Mas para além dos tipos, há também os formatos variados como o trapezoidal ou ondulado. Todos esse fatores vão depender exclusivamente de qual estrutura fala-se e da região em que ela está inserida.

A telha sanduiche ondulada é mais indicada em casos de pequeno e médio porte estruturais, pois é um produto extremamente maleável.

Esse tipo de telha se adapta a curvaturas sem precisar de uma operação de calandragem devido ao seu formato senoidal.

Então, antes de saber quais as melhorias investir para fazer da sua estrutura um sucesso, é preciso estudar mais sobre elas.

A telha ideal para ser utilizada em cobertura de prédios, residências e, até mesmo, em instalações industriais, por exemplo, é a telha trapezoidal com Elemento vazado de concreto.

Todos os tipos possuem suas particularidades e características, os materiais feitos a partir das telhas, assim como as texturas podem possuir efeitos diferentes à construção.

Sua função também é uma variante, uma vez que podem ter ou não isolantes térmicos, proteção especial e recuo para água da chuva.

Por isso é tão importante saber com qual o lugar e a região está instalada essa estrutura. Sua manutenção pode variar de acordo com os eventos atmosféricos, calor, frio ou altas rajadas de vento, por exemplo, são características super influenciáveis.

Fique atento ao telhado

Atente-se ao telhado de maneira geral e tenha certeza que o material e tipo de telha escolhido para reparo irão cumprir o prometido e o necessário.

A Telha galvalume trapezoidal possui uma divergência da telha galvanizada que muitas vezes é pouco falada. A diferença acontece basicamente em sua composição, enquanto uma possui apenas zinco, a outra é composta de alumínio, zinco e também silício.

Essas particularidades podem fazer a diferença na construção, pois com isso a duração e a função de ambas mudam.

A telha de galvalume pode durar mais tempo que a galvanizada, pois o galvalume é resistente devido à estrutura do aço e à durabilidade do alumínio.

Residências com alto índice de corrosão, por exemplo, necessitam do investimento deste tipo de telha para formar a cobertura.

Além de atentar-se ao telhado, também é importante estar ligado às tendências do momento como um aquecedor à base de energia solar. Esse, por sua vez, pode durar de dez a vinte anos se conservado de forma correta.

A instalação desse sistema vem se popularizando nos últimos anos devido a necessidade de reter custos excessivos. O ideal é procurar um consultor da área para indicar melhor qual o sistema e sua funcionalidade.

Em alta no mercado

Por estar tão em alta, esse equipamento de aquecedor através da energia solar necessita de manutenção recorrente para que seu funcionamento seja sempre perfeito e proveitoso.

A Manutenção de aquecedor solar deve ser feita avaliando-se os fatores externos e a poeira que pode ser recorrente no sistema. Recomenda-se a manutenção preventiva para evitar:

  • Vazamentos na tubulação;
  • Gastos excessivos e desnecessários;
  • Transtornos sem o aquecedor;
  • Perda de água desnecessária;
  • Perda de equipamentos fundamentais.

Caso a sua estrutura esteja em um ambiente mais isolado, sem a forte presença de veículos, por exemplo, o ideal é que a manutenção seja feita duas vezes no ano.

Já se o cenário estrutural seja contrário, recomenda-se a manutenção feita por mais de duas vezes anuais, como a cada seis ou oito meses.

Vale lembrar que essa manutenção deve ser fiscalizada por um técnico da área, bem como sua instalação e limpeza de peças.

Não se esqueça que esses investimentos são necessários para garantir melhorias na estrutura do seu negócio, e dessa forma, garantir sempre a rotatividade e lucro.

Por fim, a melhoria vem de esforços feitos para investir em equipamentos úteis e funcionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *