Saiba como harmonizar o papel de parede com os ambientes da sua casa

Em termos de decoração, o papel de parede se destaca pela versatilidade, principalmente se considerarmos que além dos diversos padrões encontrados.

Como você pode ver, é possível aplicá-lo nos mais diversos ambientes, da cozinha ao quarto. 

Para aproveitá-lo, é fundamental escolher com cuidado e utilizar os serviços de profissionais para a instalação. 

Como garantir a harmonia? 

A luminária pode contribuir significativamente para a harmonia, especialmente nas opções de parede para espaço. 

No entanto, as cores devem ser escolhidas com cuidado para garantir o resultado desejado, pois há destaques brancos, amarelos e naturais. 

Um guarda corpo vidro para escada permite aproveitar a luz natural e neste caso, dependendo de outros fatores do ambiente, o papel de parede pode ser vibrante ou com texturas diferentes. 

Isso se deve ao fato de que, seja com luz ou qualquer outro elemento do ambiente, a harmonia é, em grande parte, equilíbrio. 

Por exemplo, em uma sala com paredes e objetos principalmente de cores claras, o papel de parede vibrante pode ser o plano de fundo ou texturas como círculos e quadrados. 

Claro que deve ser algo que vá ao encontro das preferências de cada proprietário e por isso a harmonia ambiental é muito relativa. 

Existe até a possibilidade de combinar estampas diferentes para quem quer ousar, com repetição de tons, estampas ou mesclagem desses elementos. 

É o caso das casas cujos cômodos são revestidos com ladrilhos hidráulicos e alguns consumidores podem desejar comprar piso de borracha, muitas vezes em mais de uma cor. 

Nesse caso, a abordagem mais adequada pode ser uma alternativa mais leve, que possa promover leveza no ambiente. 

Levar em conta as estampas e as paletas de cores, no entanto, é um bom conselho a seguir. Uma das partes mais difíceis é coordenar as cores corretamente, o que cria um ponto de contraste, principalmente quando apenas uma parede é destacada. 

 Como é definido o papel de parede? 

Em geral, a aplicação do papel de parede é considerada prática, principalmente quando comparada com outros revestimentos, como tintas. 

Sem dúvida, a primeira coisa importante é que a superfície esteja em boas condições, desde a impermeabilização da parede até o estado da pintura antiga, se houver. 

Não é necessário apenas avaliar a quantidade e tipo de papel de parede, mas também detalhar as condições da superfície, como texturas, falhas, entre outras irregularidades que podem afetar seriamente os resultados. 

Se necessário, você deve contratar um profissional treinado para reparar a parede afetada. Outros fatores que requerem a atenção do especialista responsável pela instalação são: 

  •  Adequação adequada; 
  •  Precisa de uma régua ou colher; 
  •  Solicitação de corte; 
  •  Cola específica se disponível. 

Tem gente que gosta de colocar na parede, mas gosta do estilo, é algo muito relativo, já que todo o cômodo pode receber o item e ficar uniforme, podendo buscar pelo serviço de um fornecedor de piso vinílico para melhor o ambiente. 

Nesse caso, porém, deve-se ter muito cuidado na colocação e seleção de amostras mais delicadas para que o ambiente não pareça poluído e os resultados resultantes realmente promovam a harmonia. 

Conheça os tipos

As opções agora podem ser encontradas com diferentes texturas, estampas e temas, permitindo que os proprietários encontrem a solução ideal para qualquer espaço, levando em conta buscar uma avaliação de ruído para conforto acústico

Em termos de materiais, os que podem ser encontrados no mercado são: vinil, TNT (não tecido) e tradicional. 

O vinil é altamente resistente à umidade e à luz. É uma alternativa ao PVC e por isso é ideal para locais úmidos, como cozinhas. Em suma, tem uma durabilidade respeitável. 

Como em qualquer produto, há certos pontos em que o papel de parede precisa ser cauteloso, por exemplo, instalá-lo próximo a uma cama pode exigir uma maior frequência de manutenção. 

Para lidar com esse problema, pode-se usar papel de parede vinílico, que também é muito resistente a essa condição. 

O estilo TNT é caracterizado por fibras de celulose e poliéster, criando uma aparência de tecido. 

Seu uso é ideal para locais com baixa umidade, enquanto a limpeza é melhor feita com detergentes. 

No caso do papel tradicional, na verdade é um papel feito de celulose. Desta forma, recomenda-se a aplicação em locais secos, que são salas, escritórios e quartos. 

O ideal é limpar com um pano úmido. Porém, o melhor de todos os tipos de papel de parede é que eles não acumulam muita sujeira principalmente quando empoeirados, o que potencializa seus benefícios além de muitas opções para deixar o ambiente harmonioso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *