Construção civil: asfalto, equipamentos e cobertura

Durante um processo de construção civil pode existir diversas dúvidas, principalmente sobre quais são as diferenças entre um asfalto quente e um frio. O asfalto, seja ele quente ou frio, é um conjunto de brita, com liga para asfalto e minerais.

O que muda está na utilização do tipo de concreto. Por exemplo, existe o concreto betuminoso quente que possui um tipo de material ligante diferenciado, que vem do uso de petróleo.

Como esse material precisa estar em elevada temperatura ou de aquecimento para que sua composição ocorra, ele é considerado como um asfalto quente

O asfalto a quente para estradas, é indicado para ambientes como estradas, rodovias e para os locais que necessitam de estabilidade, assim como de resistência mecânica.

No caso do concreto frio, ele é mais utilizado para locais que necessitam de impermeabilização, assim como de maior durabilidade em sua composição.

Além dos tipos de asfalto, existem outros elementos que são essenciais para a construção civil que são importantes para a construção de um imóvel.

O aluguel de equipamentos na construção civil

Quando uma construção tem início, um dos primeiros pontos que precisam ser definidos é a equipe que vai atuar na obra, levando em conta a qualificação desses profissionais, assim como o uso dos equipamentos que estarão disponíveis no local.

Uma obra de construção civil só é feita com o uso e o amparo de equipamentos que auxiliam na otimização do tempo investido na obra, além de garantir que os procedimentos sejam feitos com maior precisão e qualidade.

Neste aspecto, uma alternativa muito comum é realizar a locação de equipamentos para a construção civil. Basicamente, todos os instrumentos necessários para uma obra podem ser locados, desde o aluguel de pa carregadeira de esteira, até equipamentos como:

  • Empilhadeiras;
  • Rolo de compactação;
  • Caminhões;
  • Caçambas para o entulho;
  • Furadeiras;
  • Equipamentos para lixar.

Estes são apenas alguns dos equipamentos mais utilizados no setor da construção civil no momento da construção, podendo ser de pequeno ou grande porte.

Outra locação que é comum durante uma obra é o aluguel de andaimes, sobretudo, para a instalação de fiação, parte estrutural, construção das paredes e instalação do telhado.

Outro equipamento muito utilizado no segmento da construção civil é a betoneira, equipamento essencial para o preparo do concreto, que é uma massa de cimento com outros aditivos que contribui para a construção e para os procedimentos de reboco.

Por isso, o aluguel de betoneira costuma ser uma ação corriqueira no segmento da construção civil. Entre as vantagens da locação, podemos destacar a redução dos custos, otimização do tempo de obra e a qualidade e eficiência na execução dos projetos.

Itens adicionais para as áreas externas

Para finalizar a construção com chave de ouro, é importante contar com alguns itens adicionais que podem proporcionar ainda mais valor e sofisticação para a construção do seu imóvel.

Atualmente, os avanços da tecnologia permitem que elementos de modernização estejam presentes nos ambientes interno e externo do imóvel.

Os ambientes internos são fundamentais para o conforto e o descanso do morador, mas os ambientes externos também podem ser aproveitados como áreas de lazer e descanso, para reunir amigos e familiares.

Para isso, existem algumas ações que podem ser desenvolvidas neste ambiente, com o objetivo de tornar o imóvel valorizado, assim como mais seguro e confortável.

Para que isso ocorra, é possível realizar a instalação de uma cobertura de garagem, com o objetivo de proteger os bens dos moradores, assim como reduzir os impactos causados pelo sol e pela chuva.

Existem vários tipos de cobertura, entre elas:

  • Pergolado de madeira;
  • Vidro laminado;
  • Policarbonato;
  • Diversos modelos de toldos.

Neste aspecto, seja para escolher o uso destas coberturas ou de um toldo para garagem, é importante levar em conta os seguintes aspectos:

  • Local de instalação do imóvel;
  • Incidência do sol ou chuva;
  • Área a ser coberta;
  • Orçamento disponível;
  • O que precisa de proteção.

Estes pontos são importantes para que o cliente consiga decidir de forma mais fácil quais são os melhores itens ou elementos para compor a proteção e a cobertura de áreas externas da sua residência.

Portanto, os investimentos realizados em materiais de qualidade são essenciais para o bom andamento da obra e para um resultado final que proporcione conforto, segurança e bem-estar para os moradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *